Categoria | NOTÍCIAS

Grupo Papalotla

Dow AgroSciences e Grupo Papalotla iniciam acordo sobre sementes de forrageiras tropicais

Híbridos de braquiária auxiliarão pecuaristas da América Latina a melhorar a produtividade dos rebanhos

A Dow AgroSciences LLC, subsidiária em caráter integral da The Dow Chemical Company, e Grupo Papalotla anunciaram hoje que a Dow AgroSciences garantiu uma licença exclusiva da Papalotla para sementes de híbridos e cultivares de capins braquiária oriundos do Centro Internacional de Agricultura Tropical (CIAT) entre 2001 e 2010 para servir o mercado de pastagens em diversos países da América Latina. Este acordo aproxima experiência de mercado e tecnologias que ampliarão linhas de produtos e oferecerão soluções completas e integradas para aumentar a produtividade dos rebanhos.

Pelos termos do acordo, a Dow AgroSciences receberá a licença exclusiva para vender híbridos e cultivares de braquiária do CIAT no Brasil, Argentina, Bolívia, Paraguai e Uruguai. As forrageiras tropicais do gênero Brachyaria são originárias da África e foram adaptadas a outras geografias e são hoje a principal espécie usada em pastos nos trópicos. Os híbridos combinam as melhores características de diversas espécies de braquiária em cultivares isolados. A Papalotla, a primeira empresa a registrar e vender uma braquiária híbrida, vem colaborando com o programa de híbridos do CIAT há mais de dez anos e detém os direitos exclusivos para comercializar os híbridos. Os híbridos serão agora vendidos pela experiente equipe de vendas da área de pastagens da Dow AgroSciences.

“Papalotla traz sementes inovadoras de capim braquiária que podem beneficiar os pecuaristas em busca de maximizar a produção dos rebanhos”, declarou Kay Kuenker, vice-presidente, Novos Negócios, da Dow AgroSciences. “Ao combinar seu conhecimento com nossos 50 anos de experiência no mercado de pastagens, temos uma oportunidade de trazer soluções diferenciadas e valor aos pecuaristas da América Latina. Este acordo é outro exemplo do que a Dow AgroSciences está oferecendo em sua estratégia de crescimento por meio da inovação tecnológica e da colaboração”.

“O acordo com a Dow AgroSciences nos leva um grande passo mais perto de realizar nosso sonho de levar genética melhorada de pastagens tropicais a produtores de todo o mundo”, declarou Andrei Nicolayevsky, CEO e diretor, Semillas Papalotla. “A Dow AgroSciences tem recursos comerciais e técnicos dedicados com foco na produtividade dos rebanhos e acreditamos que sua infraestrutura oferece a maneira mais eficiente e eficaz de introduzir os híbridos do CIAT nesses importantes mercados”.

A Dow AgroSciences é um importante fornecedor de soluções químicas para o mercado de pastagens e quer continuar a avançar com soluções completas para os pecuaristas. Quando a Dow AgroSciences introduzir os híbridos tropicais de braquiária durante o período de plantio de 2010, pecuaristas de toda a América Latina terão acesso à genética mais produtiva como parte de seu programa total de pastagens. Esses híbridos têm qualidade forrageira, rendimento e adaptação superiores, que se traduzem em melhores produtividade e lucratividade para os produtores de leite e de carne.

Os termos financeiros do acordo não foram revelados.

Sobre Papalotla

Papalotla é uma empresa privada com escritórios principais na Cidade do México (Simillas Papalotla S.A. de C.V.) e afiliadas nos Estados Unidos e no Brasil. A empresa se dedica a fornecer cultivares melhorados de forrageiras para pastagem destinados a aumentar a produtividade de produtores de leite e gado de corte de todo o mundo. Papalotla tem outra grande licenciada na Ásia e apóia seus distribuidores nos Estados Unidos e América Latina com sementes produzidas no México. Mais informações em www.grupopapalotla.com

Comments are closed.

Advertise Here
Advertise Here

Facebook

Informativo

Assine nosso Informativo.